Um novo nome, um passado inventado. Ao fugir de sua antiga vida em uma ordem chamada Mão Arcana, Grivus de Angallad alcança o território de Gaagyn, um reino que não costuma ser receptivo com quem possui habilidades arcanas. Mentindo sobre sua verdadeira origem e ansioso em seguir viagem para o sul, Grivus se vê envolvido com a casa Canffar, governante do condado de Foz Ferro, após ajudá-la em um combate à beira da estrada. Por dinheiro, por uma nova paixão e por uma arcana que precisa de seus ensinamentos, Grivus deixa de lado a urgência da fuga e aceita proteger o conde e sua família, mergulhando em uma obscura trama política do reino. Enquanto tenta lidar com as memórias distorcidas que o atormentam em sonhos e com as chances de ter sua identidade revelada, o arcano viverá uma aventura empolgante repleta de conflitos, riscos e intrigas, encarando adversários árduos e confrontos intensos. Mesmo em um reino do qual os arcanos costumam permanecer longe, Grivus perceberá que seu passado na Mão Arcana ainda não quer deixá-lo partir.

 

Trata-se do primeiro livro individual de Rodrigo B. Scop, passado em um mundo de fantasia medieval próprio, no qual o autor pretende criar e publicar novas histórias.

 

Editora: Metamorfose

ISBN: 978-85-53074-65-5

Páginas: 304

Ano: 2019

Grivus de Angallad e a Flâmula da Moeda de Ferro - Livro Físico

R$ 39,90Preço
Dedicatória
  • "Se você gosta da saga do bruxo Geralt de Rívia e das histórias de Kvote nas Crônicas do assassino do Rei, vai se envolver nas aventuras de Grivus. Imperdível." (Rafael Reichler)

     

    "Não há santos aqui, nem boas ações que não venham acompanhadas de interesses pessoais. O preconceito, a ganância e mentiras inundam as páginas de "Grivus de Angallad e a Flâmula da Moeda de Ferro". E, claro, muito sangue e tripas de fora! Uma aventura empolgante que me prendeu do início ao fim!" (Ismael Chaves)

     

    "Um universo bem elaborado e uma escrita incrível. Uma fantasia medieval que nos envolve bastante! Indico muito!" (Evelyn Morais Alves)

     

    "Neste livro acompanhamos uma parte da jornada de Grivus de Angallad. Com um estilo de narração pouco utilizado no gênero de fantasia - porém executado de forma excelente - o livro nos transporta para um mundo fantástico repleto de intrigas políticas, personagens intrigantes, batalhas e magia. A leitura é fluida e rápida - em meu caso, li em um final de semana. Recomendo a todos os fãs do gênero de Fantasia." (Vitor Fabris)

     

    "Amei a leitura desse livro, foi bem fluida, cativante e me senti participando dela conforme avançava as páginas. Adoro histórias desenvolvidas em um mundo com mistérios, magias e que nos instigam a descobrir cada vez mais sobre esse novo universo. Já estou ansiosa pela continuação!! Podem comprar sem medo." (Raphaela Motter)

     

    "Tive uma grata e excelente surpresa com este livro de pouco mais de 300 páginas. Tanto que consegui lê-lo bem rápido, com uma leitura extremamente fluente. (...) Rodrigo, com Grivus, consegue criar uma aventura única, carregada de mistérios, personagens não confiáveis. (...) De verdade, amei o livro, e está entre uma das melhores leituras de 2019." (Léo Heffer - do portal @oqueleroficial)

     

    "Foi um livro que durante toda a leitura me trouxe à tona lembranças de outro livro de fantasia, um clássico dos livros de Espada e Feitiçaria. Grivus em muitos pontos se assemelha ao Conan de Robert E. Howard. Ainda assim, se mantém único. (...) À medida que a história avança e os conflitos passam a ser inseridos, a leitura voa. (...) Espero ansioso que o autor consiga desenvolver mais histórias nesse universo riquíssimo que ele desenvolveu." (Alexandre Silva, do portal @porquevoceletanto)

     

    "Maravilha essa leitura. Com direito a espadas e feitiçaria e com traços medievais, nos envolvemos facilmente a tudo que acontece nesse mundo criado pelo autor. Grivus tem ao seu redor personagens incríveis e marcantes, que somarão para uma história tensa e cheia de ação. E as reviravoltas são de tirar o fôlego, ao ponto de não largar o livro enquanto não se tem uma conclusão. (...) Uma fantasia medieval fascinante, que nos entrega uma narrativa dinâmica e cheia de nuances." (Anny, do portal @leiturainterativa)

  • Preto Ícone YouTube